DJs Fabrício Peçanha

Fabrício Peçanha fala da sua nova residência na Underline

outubro 03, 2016Portal Underground


O DJ e produtor de House e Techno Fabrício Peçanha reúne uma série de características singulares: excelente técnica, conhecimento musical, repertório diversificado e um feeling de pista incrível, e tudo isso o levou a se apresentar nas melhores casas e festivais do Brasil, conquistando os ouvidos de cada um que já o ouviu tocar. 

Cada um de seus sets é uma surpresa, e a cada apresentação conquista mais fãs. Foi um dos pioneiros da música eletrônica no Brasil e toda essa experiência é sentida pela pista em todas as suas apresentações. Tudo isso o levou a, recentemente, ser convidado para se tornar o residente da Underline, a pista underground da Green Valley! Em entrevista, ele nos conta sobre essa experiência! Confira!

Como foi receber o convite para ser residente da Underline, essa label party da Green Valley que está cada vez mais no coração do público? 

Foi uma surpresa muito especial, tive a oportunidade de tocar na Underline esse ano e fiquei impressionado com a qualidade da pista e a vibe do público. Realmente essa label veio pra mostrar a força da música underground no país e fico super empolgado de fazer parte dessa historia. 

Como foi se apresentar nas edições anteriores da Underline?

Tive a oportunidade de me apresentar 2 vezes na Underline e foram duas noites incríveis, a estrutura da pista é perfeita, som e luz super bacanas e o público é um show a parte, além de ter a galera super vibe de Camboriú, a Underline tem a vantagem de trazer gente de todo país e de fora também, com certeza é uma das pistas mais legais que já toquei. 

O que podemos esperar dessa parceria do Fabrício Peçanha com a Underline? 

Espero levar meu som e meu público e somar nesse projeto tão importante pro país, a Underline é junto com a GV uma grande formadora de opinião, é o tipo de projeto que muda a cultura de um lugar. Realmente quero agregar pra que esse projeto tenha mais sucesso ainda. 

Você mantém uma linha de som underground há muitos anos. Como é fazer parte da Underline, e saber que, cada vez mais, você está transformando o gosto musical dos brasileiros para essa linha de som que conquista cada vez mais público? 

Eu toco o que gosto, o que acredito, pra mim é muito importante fazer o job com prazer e música pra mim é coisa séria… pra mim o importante não é só bombar a pista, é informar o público, surpreender, trazer algo novo pra galera, é sair do modismo, do óbvio…isso é o trabalho importante do DJ.

Você foi um dos primeiros DJs residentes do Warung Beach Club, considerado, junto com a Green Valley, os maiores superclubs do Brasil! Como você se sente sendo o único DJ a ter essa honra? 

Eu tive o prazer de tocar nos maiores clubs do país e independente da proposta sempre tentei deixar a música em primeiro lugar, fugindo dos conflitos e diferenças entre grupos… sempre quis, eu mesmo, traçar minha carreira, evitando q clubs ou grupos impusessem isso pra mim…às vezes perdemos alguns espaços com essa escolha, mas ao mesmo tempo somos livres pra decidir o que é melhor pra gente e não pro interesse de outros. Pensando assim tive a liberdade de escolha pra tocar em clubs distintos e isso me deu uma super bagagem de provar varias pistas por ai. Com certeza é uma grande honra pode participar de tantas experiências diferentes.

Fabrício Peçanha nas redes sociais

Mais conteúdo que pode te interessar

0 comentários

Formulário de contato